CATEGORIA : Desenvolvimento Social e Habitação
Portaria do novo conselho gestor do Criança Feliz foi assinada na segunda-feira

16/02/2017 às 08:54:00

Na segunda-feira (13) na sede da Primeira Infância Melhor (PIM), estiveram os secretários e adjuntos da Secretaria de Saúde, Secretaria Especial de Gabinete, Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, Secretaria Desenvolvimento Social e Habitação, o prefeito Rudinei Härter, o Procurador Geral Henrique Crespo, a coordenadora técnica do PIM Denise Padilha, as visitadoras do PIM e algumas famílias contempladas do projeto.

   Na ocasião o prefeito Rudinei assinou o decreto nº 4582, que institui o Comitê Gestor do Programa Criança Feliz em São Lourenço do Sul, constituído da seguinte forma: Secretário de Desenvolvimento Social e Habitação Bruno Leitzke, Secretária de Educação, Cultura e Desporto Adriana Soares, Secretária de Saúde Arita Bergmann, e Secretário Especial de Gabinete Valdoir Ribeiro. Também foi assinado o projeto de lei que cria os cargos de bolsistas visitadores e supervisores do programa do Governo Federal.

    Atualmente o programa Primeira Infância Melhor conta com 15 visitadores atendendo 247 crianças, com o Criança Feliz o município passará a atender mais 150 crianças, porém já foi feito também o pedido de aumento de meta para o MDS, que visa atender 300 crianças, somando um total de 500 crianças.

    O programa Criança Feliz, que é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), foi lançado em outubro de 2016, e tem como principal meta fortalecer as políticas públicas para a primeira infância, a fim de promover o desenvolvimento infantil integral. O Criança Feliz prioriza gestantes e crianças de até 3 anos beneficiárias do Bolsa Família e as de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). As famílias serão acompanhadas por profissionais capacitados, que farão visitas domiciliares periódicas. Além disso, o Criança Feliz integrará ações coordenadas em várias áreas, como saúde, assistência social, educação, justiça e cultura.

   Na oportunidade o prefeito Rudinei Harter mostrou-se muito feliz em ver que São Lourenço do Sul é um dos primeiros municípios da Zona Sul do estado a aderir o programa, e ressaltou a importância do programa para fortalecer as famílias.